• Karoline Rodrigues

8 dicas para aspirantes a treinadores, por Zane Davis

Não raramente a barreira do idioma impede muita gente de acessar conteúdo dos melhores profissionais do cavalo. No ano passado comecei um projeto de traduzir artigos de sites e revistas americanas, mas acabei não avançando muito. Não desisti ainda desse plano. Tem muita coisa legal que precisa ser compartilhada!

Vou retomar esse projeto de tradução por uma série de 8 posts que Zane Davis (NRCHA Million Dollar Rider e Snaffle Bit Futurity Champion) publicou no seu Facebook no início de 2016 com dicas para ASPIRANTES A TREINADORES. Ele contou que sempre lhe faziam essa pergunta em entrevistas, por isso resolveu escrever a respeito. Ressalto que não traduzi as introduções para ficar mais direto e objetivo.



Para quem não conhece a história de Zane Davis, ele só se torno treinador profissional de Cow Horse depois dos 30 anos, e teve muita influência do Eduardo Ribeiro que o ajudou a aprimorar a parte da Rédeas. Ele também já passou um tempo no Brasil em missão religiosa e fala português fluentemente.


Apesar de ter começado "tarde", ele teve uma ascensão rápida, sendo o 12o cavaleiro ganhar 1 milhão de dólares pela NRCHA, em 10 anos de carreira. Além disso, ele cresceu no meio do cavalo, tendo participado de rodeios profissionais durante o ensino médio e a faculdade.


Assim que a pandemia passar, ele virá ao Brasil para uma clínica de Cow Horse pela ANCH. A clínica estava programada para Julho, porém tivemos que suspender os preparativos. Vai ser muito produtivo e esperamos contar com a presença de todos quando o evento acontecer!


Enquanto isso, leia a seguir os conselhos desse grande treinador. E lembre-se, não sou eu quem estou falando.


#1 Tenha uma alta tolerância à pobreza

Sim, você será pobre por um tempo, talvez por muito tempo dependendo de quão bom profissional você for. Se você pensa que vai ficar rico treinando cavalos, está errado. Se você for bom, você vai conseguir sobreviver. Se você for excepcional, você vai viver bem. No entanto, você nunca vai ficar rico treinando cavalos. Por quê? Porque você só consegue montar um certo número de cavalos por dia. Sim, você pode delegar uma parte do trabalho para ajudantes e assistentes, mas se você quiser que seus cavalos de prova atinjam o potencial que eles podem você mesmo precisa fazer a maior parte do trabalho.

Além disso, os custos indiretos para o treinamento de cavalos de performance são muito altos. Custa caro pra fazer direito. Essa foto é do meu primeiro ano como treinador. Construímos essa arena com postes, canos e pregos reciclados. Sim, eu nem tinha dinheiro suficiente para comprar pregos novos para prender aqueles postes! Meus custos eram baixos, mas meu valor de mercado também era baixo. Na verdade, eu estava treinando cerca de metade dos cavalos de graça, só para ganhar experiência (o que deixou minha esposa louca!).

Existem outras maneiras de ganhar dinheiro com o seu negócio além do treinamento. Mas não planeje o próprio negócio de treinamento pensando que ele vai te dar uma aposentadoria precoce e feliz, porque não vai. Para resumir, não se torne um treinador com o enriquecimento como seu objetivo principal ou você ficará desanimado e frustrado.


#2 Escolha um prospecto vencedor

Não, não quero dizer um prospecto vencedor da espécie equina, embora isso seja certamente importante. Quero dizer uma esposa vencedora. Você não está rindo, está? É melhor você não estar. Você se arrependerá de não seguir este conselho um dia se não o levar a sério.

Bem, ninguém quer casar com a pessoa errada, certo? Claro que não. Mas há algo que os aspirantes a treinadores precisam procurar durante o processo de seleção conjugal: estabilidade mental! O cônjuge de um treinador de cavalos precisa ter a cabeça no lugar. A vida será difícil às vezes. Elas precisam lidar com a pobreza periódica mencionada no conselho #1, o que não é fácil. Você conhece o antigo provérbio chinês "Treinador de cavalos que não ganha, não come!" Se houvesse uma segunda parte desse provérbio, ele diria "Esposa e filhos também não comem!"

As esposas também precisam lidar com uma série de outras questões. Como a solidão. Os treinadores saem muito de casa. Ou cansaço de fazer todo o trabalho enquanto você estiver fora. Ou frustração quando elas tentam consolá-lo depois que você perde. Sua dor é a dor dela. Sua perda é a perda dela. Sua depressão é a depressão dela. E elas suportam tudo isso enquanto observam seus colegas treinadores casados ​​deixarem suas esposas por uma assistente jovem e bonita ou por uma cliente amadora rica. Você acha que ser pobre, subestimado e solitário é algo que toda noiva envergonhada sonha? Elas precisam ser mentalmente estáveis.

Não sou conselheiro matrimonial. (Se você precisar de aconselhamento matrimonial, sugiro que entre em contato com Don Murphy. Ouvi dizer que ele tem o dom!) Nem posso dizer quem é a pessoa certa pra você. A verdade é que tive sorte. Estou casado há 20 anos com a mesma pessoa. Eu não era um treinador de cavalos quando ela me conheceu. Na verdade, já estávamos casados ​​há algum tempo quando entrei e anunciei o que eu seria quando eu crescesse. Sua resposta foi: "O que quer que te faça feliz está bom pra mim“. Holly é o modelo perfeito de estabilidade mental. Essa foto foi tirada na época em que tomei essa decisão. No entanto, ela está sorrindo na foto, então talvez eu ainda não tivesse contado meus novos planos ocupacionais!



#3 Desenvolva uma incrível ética de trabalho e seja brutalmente honesto com você mesmo

Não assisto muito à TV, mas costumava assistir ao reality show "Sobrevivente”. Fiquei espantado com o quanto eles "pensavam" que estavam trabalhando. Inevitavelmente, uma ou duas pessoas realmente trabalhavam bastante. Os outros apenas pensavam que estavam trabalhando. Como eles provavelmente não faziam nenhum trabalho físico em suas vidas reais, exceto por sua ida diária à academia, o pouco trabalho que estavam fazendo no programa provavelmente parecia excruciante. O que você precisa saber é que se você for um treinador bem-sucedido, precisará trabalhar duro. Se você não sabe o que isso significa, você precisa passar algum tempo com um treinador de sucesso que sabe. Veja se você consegue acompanhar. O que você encontrará pode te surpreender. Montar cavalo o dia inteiro parece ser uma boa vida, não é? Bem, a vida boa nem sempre é boa. Não sei dizer quantos treinadores aspirantes, depois de observar os melhores programas de treinamento, admitiram que não tinham ideia de que seria tão trabalhoso. O principal treinador da NRCHA, Doug Williamson, aos 70 anos, diz que ainda monta 17 cavalos por dia! Hoje eu montei 18. Isso geralmente acontece 6 dias por semana, toda semana, o ano todo, ano após ano. Você está pronto para esse tipo de comprometimento?

Agora, alguns de vocês não vão gostar desta próxima parte, então eu só vou dizer isso. Você é bom o suficiente? Você é realmente um bom treinador? E apresenta bem? Você sabe que existe uma diferença e é melhor você ser bom nas duas coisas para ter sucesso. Você consegue entrar na pista sabendo que os proprietários vão tirar o único cavalo bom que você tem se não ganhar? E se esse cavalo for embora, você não terá dinheiro para pagar o aluguel das baias no próximo mês? E se você não puder pagar o aluguel das baias, terá que mandar embora os outros três cavalos que você tem em treinamento e procurar um emprego de verdade? Você consegue lidar com toda essa pressão e não engasgar?

Não quero desencorajar ninguém. Se você não é bom em treinar cavalos ou não consegue lidar com a pressão, não é o fim dos seus sonhos no cavalo. Treinamento e provas são uma pequena parte do que acontece no mundo dos cavalos. Há outras coisas que você pode fazer. No entanto, se você sabe que pode trabalhar e se for sincero consigo mesmo sobre suas habilidades de treinar e sua capacidade de lidar com a pressão, então você não tem limites. Desejo-lhe boa sorte. Aquele troféu de bronze de um milhão de dólares te aguarda.



#4 Cale a boca e seja mais humilde

Agora espere um minuto! Você quer dizer que Zane Davis está prestes a falar sobre humildade! O copo da hipocrisia transbordou de vez! Talvez seja melhor eu ser mais específico. Não estou falando de verdadeira humildade cristã, embora tenha certeza de que a maioria de nós, principalmente eu, poderia usar mais disso. Estou falando de "humildade para jovens treinadores de cavalos", que é semelhante, mas menos sofisticada. Simplesmente significa que se houver um problema com seu programa de treinamento, o problema provavelmente será você. Você tem que ser humilde o suficiente para reconhecer isso e depois fazer algo construtivo a respeito.

Deixe-me ilustrar com dois exemplos pessoais. Há vários anos, comecei a treinar em um clube de artes marciais perto de onde morávamos. Eu tinha lutado um pouco quando jovem e fui um boxeador amador razoável. Essa coisa de artes marciais seria moleza para mim. Imaginei que todos estariam tremendo de medo quando eu entrasse pela porta. Acabou sendo um caso em que a humildade veio rápida e dolorosa! A maior parte do treinamento foi de luta de chão. Fui sufocado até ficar roxo, torcido em nós e torturado em lugares que nem sabia que tinha! Eu me arrastei de volta três vezes por semana para mais punições. Era como uma ordem hierárquica. O cara mais forte batia em todos. O segundo cara mais forte batia em todos menos no cara mais forte, e assim por diante. Eu estava no fim da hierarquia e tive que ser humilde. Quanto mais louco eu ficava, mais me batiam. Toda semana um ou outro se inscreviam para treinar, e eu subia na hierarquia. Foi bom de verdade sair da rotina e poder punir alguém. Infelizmente, a maioria dos recém-chegados não voltaria após o primeiro treino, e eu voltaria ao final da hierarquia! Humildade!

Meu próximo exemplo vem da minha experiência em provas. Na NRCHA há algo chamado Lista dos Cavaleiros Aberta. Os 20 principais treinadores, com base nos ganhos de eventos (LAE) nos três anos anteriores, estão nesta lista. É onde estão os "cachorros grandes", ou melhor, "os cachorros sortudos", como foi o meu caso no meu segundo ano ano correndo. Sim, lá estava eu ​​na lista. Eu estava no final da lista, mas estava nela. Em um ano, ganhei dinheiro suficiente para entrar nessa lista e tinha certeza de que seria o número 1 no próximo ano. Fiquei orgulhoso, pelo menos por um tempo.

Na verdade, eu não tinha o direito de estar na lista, porque não tinha ideia do que estava fazendo na pista. Eu tive sorte no ano anterior. Eu tive um cavalo excepcional, um cavalo excepcionalmente sortudo, e grande parte do dinheiro foi ganhado nas divisões Limitada/ Intermediária. Se você estiver na Lista, poderá entrar apenas na divisão Aberta. Isso significa que você tem que correr com esses "cachorros grandes" o ano todo. Você pode adivinhar o que aconteceu. Eu apanhei feio. Eu mal ganhei um centavo. A imagem ilustra um dos meus momentos de humildade daquele ano. (Sim, o cavalo ficou bem.)

Acabou sendo a melhor coisa que já aconteceu na minha carreira. Tive que ser humilde e disse: “Tem um problema aqui. Eu sou esse problema". Eu fui trabalhar nas minhas fraquezas. Haviam muitas. No ano seguinte, ainda na Lista, tive muito sucesso. Ainda tento, anos depois, avaliar humildemente meu programa e admitir para mim mesmo o pouco que sei.

Então, treinadores aspirantes, aprendam com meus erros. Encontrem seus pontos fracos. Conserte-os. E, pelo amor de Deus, cale a boca e pare de nos dizer o quanto vocês sabem!



#5 Evite estas duas desculpas sérias de fracasso: "Meus cavalos não são bons o suficiente" e "O julgamento é péssimo"

Esta é a primeira desculpa: "Meus cavalos não são bons o suficiente". Embora isso possa ser verdade, e todos nós passamos por isso, não importa o nosso nível, há um segredo comprovado que você precisa saber. Você está pronto? Prepare-se porque é profundo e pode mudar seu programa de treinamento para sempre. Aqui está: CHORAMINGAR É UMA TÁTICA DE TREINAMENTO INÚTIL! Se o cavalo não tem habilidade, faça a coisa certa e mande ele embora. Se o cavalo tem habilidade média, tente torná-lo um bom cavalo. Se o cavalo tem boa habilidade, tente torná-lo um cavalo realmente bom. Se o cavalo tem grande habilidade, ajude-o a encontrar seu potencial e tente não estragar tudo. A maior parte dos meus ganhos foram em cavalos médios e bons. Posso contar em alguns dedos quantos ótimos cavalos já tive. Qualquer um pode treinar um cavalo ótimo. É preciso um treinador de verdade para ganhar com todos os outros. Ajude cada cavalo a atingir seu potencial máximo e esteja pronto quando o ótimo surgir. (Na foto, uma potra que tentei vender aos 2 anos de idade porque ela tinha pouca habilidade. Felizmente para mim todos os compradores concordaram, então eu fiquei com ela e fui quarto no futurity. Ela ganhou mais de US$ 80 mil em sua carreira.)

Agora, a próxima desculpa é uma das quais eu sou vergonhosamente culpado muitas vezes. De fato, levei até a metade do ano passado para entender o problema. Eu finalmente decidi que era uma besteira e realmente atrapalhava o progresso. Não é fácil superar, mas aqui está a segunda desculpa prejudicial: "O julgamento é péssimo".

A verdade é que às vezes o julgamento é péssimo mesmo. Alguns juízes, sem culpa, não são bons em julgar. Alguns não têm a coragem para fazer a coisa certa. Alguns têm os seus favoritos. Mas a maioria está tentando fazer o melhor que pode. Eles ainda podem tomar algumas decisões ruins. Ocasionalmente, somos vítimas de tais decisões. Recentemente, em vez de encontrar alguns amigos perdedores com os quais eu pudesse lamentar e sentir pena de mim, criei um processo de duas etapas que funciona para mim e me mantém agindo de forma mais profissional.

Primeiro, eu assisto ao vídeo com olhos honestos. Muitas vezes, descubro que a corrida não foi tão boa quanto eu pensava. Outras vezes, foi boa como eu pensava, mas pelo menos consigo ver o ponto de vista do juiz. Você ficará surpreso com o modo como a reprodução de vídeo corrige grande parte da síndrome do “julgamento é péssimo”. Segundo, se a corrida foi tão boa quanto eu pensava, eu rapidamente vou a algum lugar para me acalmar em particular. Eu não tenho um temperamento bom, então isso funciona para mim. Infelizmente, também não escondo muito bem as emoções, então as pessoas sabem que eu estou bravo de qualquer jeito. Hoje em dia, porém, me recuso a falar qualquer coisa até que eu esteja calmo. A boa notícia é que eu me acalmo rapidamente. Quando eu caía na armadilha do “julgamento é péssimo”, era quando eu ainda estava me sentindo amargurado. Agora, não me permito socializar publicamente até que a amargura passe. Mesmo agora eu não sou santo. Eu destruí meu quarto de sela mais de uma vez depois de um julgamento ruim. No entanto, hoje em dia, olho para os lados para ver se tem alguém olhando antes de jogar o primeiro freio!

Meu pai, que competiu em eventos julgados durante a maior parte de sua vida, costumava me dizer: “Você perderá algumas que deveria ter vencido e ganhará algumas que deveria ter perdido. Está empatado." Às vezes ouço minha nota e penso: "Uau, eu não achei que tinha sido tão boa”. Guarde esses momentos para combater os dias em que o oposto acontecer. Se você fez um bom trabalho e não recebeu uma boa pontuação, seus colegas e o proprietário geralmente sabem, se viram a passada. Você ainda é um vencedor aos olhos deles. E adivinha? A nota não vai mudar de qualquer jeito!

Espero que tenha sido direto o suficiente para você. Evite essas duas desculpas e vá ganhar alguma coisa!



#6 Cuide bem dos cavalos dos clientes

Eu sei o que você está pensando. "Esse é o melhor que Zane poderia inventar hoje? Ele deve estar sofrendo da farra de nacho e refrigerante do pré-jogo do Superbowl. Claro que eu vou cuidar dos cavalos. Bem, acredito que a maioria dos treinadores cuida. Os poucos que não, por preguiça ou ignorância, usarei como exemplo.

D. Wayne Lucas, o famoso treinador de cavalos de corrida, é amigo do meu pai. Uma vez vi seu cartão de visita. Dizia: "Envie-nos os seus sonhos". Eu nunca tinha pensado nisso antes, mas treinadores de cavalos de performance são fazedores de sonhos. Por qual motivo alguém investiria em uma coisa dessas? Certamente não é para o ganho financeiro! É nosso trabalho pegar o sonho deles e torná-lo realidade. Agora, como você acha que os proprietários se sentem quando aparecem nas suas baias e o sonho deles está em uma baia suja, cheia de moscas, tentando beber uma água que está mais para ser mastigada? É o tipo de coisa que mata um sonho e provavelmente um negócio.

Então, aqui está outro grande segredo que o manterá nos negócios: os proprietários vão perdoar você por muitas derrotas se você cuidar da saúde física dos cavalos deles! Todos nós perdemos. Às vezes, a culpa é nossa e, muitas vezes, é só um detalhe. No entanto, se você puder manter o cavalo com boa aparência, os proprietários tendem a ignorar algumas de suas performances ruins.

O que você precisa fazer então? Na verdade, é bem barato e simples. Esta é uma lista de dez tarefas mínimas: 1. Mantenha a entrada do seu local limpa. 2. Mantenha a baia do cavalo nivelada, limpa e segura. 3. Água limpa e fresca. 4. Mantenha o cavalo vermifugado. 5. Medique qualquer ferida, dermatites, etc. 6. Tenha um bom volumoso. 7. Faça algo sobre o excesso de moscas. 8. Tenha cercas seguras. 9. Cuide da sua pista. 10. Limpe o interior do seu trailer.

Basicamente em todos os lugares que o cavalo for estar precisa ser limpo, seguro e eficaz. Eu costumava pensar que precisava ser chique também. O que eu descobri é que a maioria dos proprietários só quer que sejam principalmente limpos, seguros e eficazes, e todo o resto é secundário. Você pode ficar mais elegante à medida que cresce.

Por fim, você precisa saber que imprevistos acontecem. Os cavalos perdem peso, ficam doentes, ficam doloridos, sofrem acidentes etc. Se alguma dessas coisas acontecer ou parecerem que vão acontecer, informe o proprietário com antecedência, se possível. Dessa forma, se o proprietário aparecer na sua casa e ver o cavalo magro e aleijado, não será um choque. Eles precisam saber que você está ciente de que há um problema e que está cuidando disso. (Na foto, minha filha e groom, Zayle Davis. Ela ajuda a cuidar muito bem dos cavalos.)

Lembre-se de que você é responsável por realizar sonhos. Mantenha o sonho bonito e bem cuidado.



#7 Não, você não pode bancar isso

Lembro-me da minha primeira prova na NRCHA. Eu era um novato com mais de 30 anos com muita confiança (ou talvez "ignorância" seja uma palavra melhor) e nenhuma experiência. Lembro de ver todos aqueles caminhões e trailers sofisticados estacionando. Os cavalos foram descarregados e amarrados com selas artesanais e freios de prata. Todo mundo tinha boas botas, esporas, capas, etc. Bem, quase todo mundo tinha. Minha camionete velha quebrou a caminho da prova e morreu no estacionamento quando chegamos. Eu não tinha nada chique. Na verdade, eu nem sabia o que precisava. Fiquei intimidado e envergonhado. Eu também queria coisas boas!

Esse sentimento de inadequação pode acontecer com qualquer treinador aspirante, tenho certeza. Não deixe que isso tire o que você tem de bom. Aqui está a verdade: a maioria dos treinadores com todas as coisas chiques está com dívidas até o pescoço! Não estou tentando ser consultor financeiro. Isso está fora do meu escopo. Vou manter isso simples para você. Gaste seu dinheiro com o bem-estar dos seus cavalos e a sua educação, e não com "coisas".

Vai chegar a hora de ter as coisas boas mais tarde, se você for bem sucedido em seus negócios. Se você se permitir um monte de dívidas e gastar todo o seu dinheiro extra com "coisas boas", isso afetará seu treinamento, sua apresentação e provavelmente sua honestidade com seus clientes. Você vai fracassar antes de começar tudo em nome da boa aparência.



#8 Curta seu trabalho

O que? Depois de tudo que eu disse como você pode curtir alguma coisa, certo? Me desculpe. Eu não queria te assustar, mas você perguntou. Essas foram apenas verdades para facilitar seu trabalho. Pessoalmente, gosto de ir trabalhar todos os dias. Por natureza sou muito intenso. Você nunca saberá se estou me divertindo enquanto trabalho, mas estou. Eu gosto de cavalos. Eu gosto de ver o progresso deles. Eu acordaria e faria isso de graça todos os dias se não tivesse três filhos que acham que precisam comer. Foi difícil às vezes, mas fui muito abençoado por causa do que faço. Esta foto foi tirada há algumas semanas na praia em Aruba. Sim, levou dez anos para chegar a esse ponto, mas saímos de férias todos os anos nos últimos cinco anos. Eu coloquei essa foto apenas para mostrar que há esperança para você. Minha camionete ainda pode quebrar de vez em quando, mas agora pelo menos é uma camionete nova (quitada)!



Obrigado a todos por ler essas postagens, você sendo um aspirante a treinador de cavalos ou não. O retorno foi imenso e agradeço todos os seus comentários. Como as postagens acabaram sendo muito lidas, foi bom ver que eu só tinha dois comentários depreciativos e um comentário muito idiota. Para os leitores que são aspirantes a treinadores, desejo tudo de bom. Agora, por favor, não me faça mais esta pergunta!

92 visualizações
Contato
 

Caixa Postal 199

Avaré-/SP 18701-971
+55 14 991514727​

plus1andahalf@gmail.com

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • LinkedIn - White Circle
  • Pinterest - Círculo Branco

© 2017 plusoneandahalf. Proudly created with Wix.com