• Karoline Rodrigues

Como os cavalos ficam doentes

Publicação: America’s Horse/ Julho 2019

Autora: Stacey Oke, DVM, MSc

Tradução/ Adaptação: Karoline Rodrigues


*****


Lá atrás por volta dos anos 1800, Louis Pasteur e Robert Koch trabalharam com informações acumuladas ao longo de centenas de anos até finalmente demonstrar de uma vez por todas que doenças infecciosas são causadas por patógenos - microorganismos capazes de causar doença - incluindo bactérias, vírus, fungos, parasitas e até partículas de proteínas e vírus.


As principais maneiras que esses microorganismos são transmitidos para os cavalos são:


  1. Contato direto entre os cavalos. Os exemplos incluem herpesviroses como EHV-1 e -4, e doenças sexualmente transmissíveis como metrite equina contagiosa e arterite viral equina.

  2. Contato com outros animais. Raiva com certeza é a primeira que vem na cabeça, seja na sua forma mais branda ou mais feroz, ambas são fatais para os cavalos e podem infectar humanos.

  3. Doenças que nascem com os vetores. Outros animais como mosquitos, moscas e carrapatos podem transmitir patógenos para os cavalos.

  4. Contaminação do ambiente. Gambás e outros mamíferos podem expelir em suas fezes os parasitas Sarcocystis neurona ou Neospora bughesi que causam mieloencefalite protozoária equina. Cavalos também podem pegar parasitas internos do ambiente, que causam doenças (especialmente diante da resistência à vermífugos). Outro exemplo é a leptospirose, que pode ser contraída de água parada ou solo contaminado por urina de animais.

  5. Mãos, pés e objetos. Nós também podemos espalhar doenças quando nos deslocamos de um cavalo para outro quando não nos higienizamos, não usamos equipamentos de proteção pessoal ou compartilhamos equipamentos específicos entre os animais (escovas, acessórios, baldes de água). Gripe equina é facilmente transmissível através dessas vias.

  6. Equipamentos e aparelhos médicos. Agulhas compartilhadas foram a causa do surto de piroplasmose equina na Florida em 2012. Os parasitas Babesia equi e Babesia caballi podem causar piroplasmose, que tipicamente são transmitidos por carrapatos.

  7. Produtos biológicos. Por exemplo, o uso de plasma hiperimune para tratar potros com Rhodococcus equi.


Ainda, 4 dicas para manter seus cavalos livres de doenças:


  1. Saiba quais doenças infecciosas ameaçam a saúde do seu cavalo conforme sua localidade

  2. Fale com um veterinário

  3. Responda apropriadamente caso identifique uma delas

  4. Não seja complacente e comunique as autoridades


9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Contato
 

Caixa Postal 199

Avaré-/SP 18701-971
+55 14 991514727​

plus1andahalf@gmail.com

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • LinkedIn - White Circle
  • Pinterest - Círculo Branco

© 2021 Plusoneandahalf